Início > Lifestyle > Como usar os aparelhos de uma academia ao ar livre
Postado no dia 8 agosto, arquivado na categoria Lifestyle

Quantas vezes você passou por uma praça perto de sua casa e viu os aparelhos de academia ao ar livre? Já se questionou sobre os motivos que te impedem de levar uma vida mais saudável e praticar atividades físicas? Muitos deixam de realizar exercícios físicos porque não gostam ou não tem condições financeiras de pagar um academia particular. Outros tentam praticar algum esporte sozinho, mas não fazem de forma adequada e acabam se machucando.

A utilização desses aparelhos se popularizou entre as cidades brasileiras nos últimos anos justamente como uma alternativa para os cidadãos que desejam se exercitar, mas levam uma vida sedentária por diferentes motivos.

Essa modalidade de academia traz uma série de vantagens para o praticante, como o estímulo a uma vida mais saudável, a socialização ao encontrar diferentes pessoas no local e a promoção do bem estar individual e, principalmente, coletivo.

Entretanto, antes de sair de casa e começar a se exercitar em todos os aparelhos, é preciso seguir uma série de orientações e dicas sobre as atividades físicas. Caso contrário, a experiência poderá ser dolorosa. Confira:

O exercício físico deve começar em casa

A praticidade de ter aparelhos gratuitos à disposição certamente é um ótimo chamariz para as pessoas que desejam realizar atividades físicas e levar uma vida mais saudável. Contudo, antes de puxar ferro, é preciso começar a se exercitar bem antes disso.

A principal dica está relacionada à alimentação. Seja de manhã ou à tarde, o ideal é caprichar na alimentação e incluir carboidratos na dieta, como pães. Isso vai garantir a reserva energética necessária para a queima de calorias durante a malhação.

Além disso, é essencial fazer um alongamento dos músculos antes de começar. Você pode fazer isso em sua própria casa ou já no local onde estão os aparelhos. Uma leve caminhada até a região também é útil para evitar lesões.

Já leu as instruções de uso?

Não importa o grau de conhecimento que você tem sobre o assunto ou quanto tempo frequentou academias. Não comece os exercícios antes de ler sobre as instruções de uso de cada aparelho que pretende utilizar em sua série.

Esse cuidado previne lesões que costumam aparecer quando o exercício não é bem executado e mostram qual a melhor atitude quando acontecer algo fora do previsto, como a quebra de um equipamento durante sua atividade.

Crie séries diferentes com os aparelhos

Enquanto uma academia particular possui professores capacitados que avaliam seu caso e indicam o melhor treinamento de acordo com seus objetivos, na academia ao ar livre você não terá essa ajuda para realizar os exercícios.

Por conta disso, um dos erros mais comuns é justamente a falta de planejamento na hora de trabalhar os músculos. Para conseguir o efeito desejado, o ideal é traçar estratégias diferentes a cada visita que você fizer e, principalmente, revezar os equipamentos.

Ao invés de tentar fazer tudo em um dia só, é possível, por exemplo, trabalhar apenas as pernas e região dos glúteos em um dia, peito e abdômen em outro e costas e membros superiores no terceiro dia. Isso garante que o músculo faça as contrações e tenha tempo de se recuperar.

Quais os melhores aparelhos?

Ao chegar em uma praça ou local público com academia ao ar livre, é comum a pessoa nem saber por onde começar. A quantidade de equipamentos costuma ser grande, com cada um deles realizando uma tarefa específica.

Portanto, sua utilização deve seguir seus objetivos individuais. Quem quer fortalecer perna deve se exercitar mais em aparelhos com essa função. Quem deseja perder a barriga pode focar no peito e no abdômen. Confira uma lista com os mais populares:

  • Puxador: ele é altamente indicado para fortalecer a musculatura das costas. Basta sentar de forma adequada, segurar as barras e puxá-las em movimentos contínuos. Vinte repetições já é o suficiente por um dia para deixar o músculo definido.
  • Extensora: é um aparelho que trabalha as pernas e o joelho, fortalecendo a musculatura da região. Ao sentar, coloque a canela no apoio e faça movimentos de subida e descida de forma contínua. Vinte repetições em uma série também são suficientes.
  • Remada: outro aparelho bastante popular porque consegue, de uma só vez, trabalhar as costas, o peito e os ombros da pessoa. Sua utilização é bem simples: a pessoa deve sentar de forma adequada e puxar as barras em direção ao seu corpo em quinze ou vinte repetições.
  • Simulador de caminhada: é possível trabalhar as pernas, os glúteos e o abdômen. Posicione-se no aparelho e faça movimentos leves por cinco minutos. Depois, aumente o ritmo e faça movimentos de corrida por 30 segundos. Intercale com 20 agachamentos se apoiando no aparelho.

Uma boa opção de lazer para todos

Os exercícios ao ar livre se transformaram em ótimas alternativas de lazer nas cidades. Felizmente, este hábito pegou e mais pessoas estão deixando o sedentarismo para trás e levando uma vida mais saudável.

Esta atividade é totalmente inclusiva e reúne indivíduos de diferentes classes sociais, etnias, religiões e tipo físico. Com a orientação correta, todos podem participar e realizar exercícios físicos nestes aparelhos.

Não à toa que existem equipamentos voltados para academia de terceira idade, com muitos idosos deixando o sedentarismo de lado e aproveitando suas vidas com mais saúde.

Alguma dúvida ou sugestão? Deixe nos comentários ou se preferir nos envie um e-mail através do formulário de contato.

Newsletter


Criadora do blog, apaixonada por moda e maquiagem. Movida por sonhos. Ama música, sol e praia.

Comentários no Facebook

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado.